Joao Martinho Moura

Super Collider Shape

Joao Martinho Moura  SuperCollider Shape

source: jmartinhonet

A minimal continuous audiovisual sculpture of sound and imagined black ink exploring Supercollider generative sound algorithms. The author is grateful to Alberto de Campo, Julian Rohrhuber and James McCartney for the inspiration on the Super Collider path. Major noise sounds were recorded in a custom made software, developed in Super Collider and Processing, using an EEG interface, doing brain signal analytics, except the piano, witch was recorded live. The processing program was connected to Super Collider via OSC protocol.
.
.
.
.
.
.
.
source: diuminhopt

Tem desenvolvido e explorado a interactividade através de movimentos corporais, em sistemas digitais imersivos. A desenvolver a sua tese no Mestrado em Tecnologia e Arte Digital da Universidade do Minho, sobre a temática da expressão digital do movimento. Criador do artefacto YMYI, trabalho incluído na curated sellection da plataforma processing.org, do MIT Media Lab. Apresentou e publicou o seu trabalho em várias conferências internacionais sobre arte digital, interacção humano-computador e computação estética. Desenvolve o seu trabalho de investigação nas áreas da arte digital, algoritmia generativa, visão por computador, música digital, e visualização de informação.