THOM KUBLI

FILE SAO PAULO 2017
BLACK HOLE HORIZON

Thom Kubli Black Hole Horizon

source: fileorgbr
Abstract:
Que tipo de relações existe entre o ar oscilante, buracos negros e bolhas de sabão? Qual é o impacto que a gravidade tem na nossa consciência coletiva? Onde o espetáculo e a contemplação se encontram? “Black Hole Horizon” (Horizonte Buraco Negro) é uma meditação em uma máquina espetacular que transforma o som em objetos tridimensionais e mantém o espaço em constante transformação.
O núcleo da instalação é a invenção de um aparelho semelhante a uma buzina de navio. Com o som de cada tom, uma enorme bolha de sabão emerge da buzina. Ela cresce enquanto o tom soa, solta-se da buzina, vaga pelo espaço de exposição e, finalmente, explode em uma posição errática dentro da sala. A instalação completa compreende três buzinas que variam em tamanho e forma de acordo com sua altura e timbre individuais. Os visitantes podem percorrer a sala testemunhando a transformação do som em esculturas efêmeras que duram apenas alguns segundos antes de seus restos materiais serem depositados nas paredes e no chão.
Biography:
Thom Kubli trabalha como artista e compositor em Berlim. Suas peças de instalação e performance relacionadas ao som foram exibidas internacionalmente, entre outras, no New Museum of Contemporary Art, em Nova York; no Transmediale, em Berlim; no Laboratorio Arte Alameda, na Cidade do México; no Eyebeam, em Nova York; no EMPAC, em Nova York; no LABoral, na Espanha, e em diversas galerias de arte.
.
.
.
.
.
.
.
source: fileorgbr
Abstract:
What kind of relations exists between oscillating air, black holes and soap bubbles? What impact does gravity have on our collective consciousness? Where do spectacle and contemplation meet? “Black Hole Horizon” is a meditation on a spectacular machine that transforms sound into three-dimensional objects and keeps the space in steady transformation.
The nucleus of the installation is the invention of an apparatus resembling a ship horn. With the sounding of each tone, a huge soap bubble emerges from the horn. It grows while the tone sounds, peels off the horn, lingers through the exhibition space and finally bursts at an erratic position within the room. The complete installation comprises three horns that vary in size and form according to their individual pitch and timbre. Visitors can walk through the room witnessing the transformation of sound into ephemeral sculptures, which last only for seconds before their material remains are deposited on the walls and floor.
Biography:
Thom Kubli works as artist and composer in Berlin. His sound-related installation pieces and performances have been shown internationally, amongst others at New Museum of Contemporary Art, New York, Transmediale, Berlin, Laboratorio Arte Alameda, Mexico City, Eyebeam, New York, EMPAC, New York, LABoral, Spain and in numerous art galleries.