olafur eliasson

オラファー·エリアソン
اولافور الياسون
奥拉维尔·埃利亚松
אולאפור אליאסון
ОЛАФУР ЭЛИАССОН
water fall versailles
Palácio de Versalhes recebe exposição de artista islandês que conta com uma queda d’água que parece surgir do meio do nada. Componente de uma exposição que propõe alterar as silhuetas do Palácio de Versalhes, a queda d’água do Grand Canal é com certeza a mais impactante. A estrutura amarela é escondida pela corrente de água e as nuvens adjacentes, fazendo com que a queda tenha sua origem incerta, parecendo ter aparecido do nada. O artista islandês Olafur Eliasson é conhecido por seus trabalhos grandiosos que conseguem alterar toda atmosfera explorando a luz, profundidade e sensações.

BART HESS

Distrito de Vestuário
Bart Hess criou a instalação para explorar maneiras pelas quais os humanos podem aumentar e estender as formas de seus corpos, criando uma espécie de prótese que é única a cada vez. Para criar a roupa, os indivíduos são amarrados a uma armadura robótica e depois baixados para uma piscina de água e cera. À medida que a cera se move na água, ela começa a endurecer, ligando-se ao corpo. A pessoa é então retirada da água, envolta em um casulo de cera que pode ser cortada ou quebrada.